Logomarca IBE

Projeto Alfa Trall realiza seminário sobre Créditos e Competências

O Projeto Alfa Trall (Transatlantic Lifelong Learning: Rebalancing Relations) realizou entre os dias 15 e 18 de outubro seu terceiro encontro, com seminário sobre Créditos e Competências e workshop Quality Assurance, no Centro Cultural UFG, em Goiânia. Com a participação de representantes de universidades da América do Sul e Europa e do Senai, o encontro trouxe discussões, painéis, atividades práticas e planejamento dos próximos passos do projeto.

Durante o encontro um painel discutiu a temática ““Experience on systems of formative credits in higher education”, com participação da doutora Natalia Coppola, da Universidad de Buenos Aires (Argentina), da professora Pamela Ibarra, da Universidad de La Frontera (Chile) e do professor Ruud Duvekot, da Inholland University (Holanda). Às 14h30 foi realizado outro painél, desta vez com o tema “Design for competences in the educational process in the Latin American reality”, coordenado por representantes do Senai/Goiás e Senai/Nacional, pelo professor Laurent Pourtau, do Etcharry (França) e por Federico Guhl, Director Desarrollo Capital Humano Transformación Productiva, do Ministerio Industria, Comercio y Turismo da Colombia.

Na quarta-feira foram feitas atividades sobre Evaluation e Quality Assurance de manhã e à tarde. O encontro do Alfa Trall se encerrou na quinta-feira, 18 de outubro, quando foram avaliados os dois anos do projeto, destacando-se as principais conquistas e aspectos e serem melhorados. O encerramento também levantou as conclusões sobre o seminário e o workshop e os próximos passos do projeto.

Sobre o Alfa Trall

Coordenado pela Universidade de Bolonha, na Itália, o Alfa Trall integra o Programa Alfa III e tem o objetivo de apoiar as instituições de ensino superior latino-americanas no estabelecimento de uma política de aprendizagem ao longa da vida (Lifelong Learning). Países latino-americanos (Argentina, Bolivia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, El Salvador, México, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela) e europeus (Itália, Espanha, Portugal, França, Holanda) participam, tendo a UFG como única representante brasileira.

Financiado pela Comissão Europeia, que contribui com cerca de 2,5 milhões de euros para o Alfa Trall, o Programa Alfa III visa a promoção do ensino superior na América Latina como meio de contribuir para o desenvolvimento econômico e social da região. Como parte das atividades desenvolvidas pelo Alfa Trall recentemente, a UFG ofereceu em julho deste ano o Curso de Extensão “Educação Continuada para a Comunidade de Bordadeiras Bordana”, destinado às integrantes da Comunidade de Bordadeiras Bordana.

Por meio do curso as bordadeiras adquiriram habilidades de bordado manual por meio de processos de aprendizagem não formal. Agora elas pretendem produzir vestimenta com design, qualidade de confecção e produtividade, para que seja competitiva no mercado nacional. Para o curso, a UFG teve a parceria do Senai que, entre outras formas de apoio, garantiu a metodologia do ensino por competências, que foi adotada no curso. O curso foi coordenado pela professora Maristela Novaes, da Faculdade de Artes Visuais da UFG e teve seus resultados preliminares apresentados de 23 a 25 de julho em Assunção, Paraguai, na Universidad Católica Nuestra Señora de la Assunción.

http://www.alfa-trall.eu/