Logomarca IBE

Ivan Camargo é o novo reitor da UnB

A presidente da República, Dilma Rousseff, nomeou o professor Ivan Camargo o novo reitor da Universidade de Brasília. De acordo com o secretário de Ensino Superior do Ministério da Educação, Amaro Lins, a nomeação será publicada no Diário Oficial nos próximos dias e a posse ocorrerá no início da semana. “O reitor está nomeado e será empossado até a quarta-feira”, disse Amaro Lins ao Portal da UnB.

A expectativa é que a posse, dada pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante, seja marcada para terça-feira, 20 de novembro, às 15 horas, na sede do Ministério. Já a cerimônia de transmissão do cargo deve acontecer na sexta-feira, 23, na própria UnB.O mandato do atual dirigente, José Geraldo de Sousa Junior, termina neste sábado, 17 de novembro.

Professor do Departamento de Engenharia Elétrica desde 1989, unidade onde também foi aluno de graduação, Ivan Camargo vai dirigir a UnB por quatro anos, ao lado da professora Sônia Báo, no cargo de vice-reitora. Ivan Camargo foi o primeiro indicado em lista tríplice elaborada pelo Conselho Universitário, instância máxima deliberativa da UnB, em 14 de setembro. O documento foi encaminhado em 18 de setembro para Dilma Rousseff, que tem a prerrogativa de escolha dos dirigentes das instituições federais de ensino superior.

A escolha do Conselho Universitário foi a mesma feita pela comunidade acadêmica em consulta informal organizada pelas entidades representativas de professores, alunos e servidores técnico-administrativos. Ivan Camargo e Sônia Báo venceram a disputa, em segundo turno, com 51,49% dos 12.562 votos proporcionais dos três segmentos.

O novo reitor recebeu a notícia da nomeação às 22h45 desta quarta-feira, 14 de novembro, do secretário executivo do Ministério da Educação, José Henrique Paim. Em mensagem, o secretário informou sobre a assinatura do ato horas antes e parabenizou o professor pela conquista. “Fiquei profundamente feliz e muito aliviado”, contou Ivan Camargo ao Portal da UnB.

Preparação

A equipe de trabalho do professor está definida e foi escolhida ao longo dos últimos 60 dias. “Embora o processo de avaliação da lista tríplice ainda estivesse em curso, era preciso me preparar”, comentou Ivan Camargo. Jaime Santana, professor do Instituto de Ciências Biológicas, será decano de Pesquisa e Pós-Graduação, enquanto Mauro Rabelo cuidará do Decanato de Ensino de Graduação.

O Decanato de Extensão ficará a cargo da professora do Departamento de Artes Visuais Thérèse Hofmann. Luís Afonso Bermudez, que dirige o Centro de Desenvolvimento Tecnológico há 22 anos e disputou com Ivan Camargo a Reitoria em composição com o professor Volnei Garrafa, vai responder pelo Decanato de Administração. Carlos Alberto Torres, do Departamento de Administração, ficará responsável pelo Decanato de Planejamento. Gardênia Abbad, do Instituto de Psicologia, pelo de Gestão de Pessoas.

Denise Bomtempo, do Departamento de Serviço Social, que também concorreu com Ivan Camargo na consulta feita pela comunidade acadêmica, ficará responsável pelo Decanato de Assuntos Comunitários. “A definição da equipe passou por critérios de mérito, confiança e representatividade. Tentei, nessa definição, ser o mais amplo para a Universidade. Não quero que a UnB fique com cara de determinada área, de determinado grupo. Ao mesmo tempo, são todas pessoas da minha absoluta confiança”, ressaltou Ivan Camargo.

Os novos decanos serão nomeados pelo futuro reitor após a posse. Até lá, o vice-reitor, João Batista de Sousa, responde pela instituição. “O vice assume até a nomeação do próximo reitor e responde pela Reitoria mantendo os decanos até o início do novo mandato”, explica José Geraldo de Sousa Junior. “Isso deriva da própria natureza da função e já foi compartilhado com o novo reitor, que está de acordo”, completa. “Estou satisfeito com a regular continuidade institucional e tenho a expectativa de que Universidade prossiga no seu rumo de instituição que tem grande relevo no cenário acadêmico brasileiro”, comemorou.

 

Fonte: UnB Agência